As dores e delícias da maternidade

Quantos aprendizados temos a compartilhar na maternidade… Quantos momentos incríveis únicos e que nos marcam pra sempre! A maternidade nos ensina a ter mais apego pelas coisas simples, a valorizar o tempo… E as fases que ela nos traz.

E em meio essas fases quantas dores e delícias…

Quantos momentos que marcam. Como por vezes nos e debulhamos em lágrimas por querer tirar a dor que aflige nossos filhos… Por nos sentir incapazes por não curá-los, por não dar o que pedem, porque sabemos que não é hora, nem momento de satisfazer aquela vontade. Quando bebês e mais dependentes, vamos a exaustão, são novos desafios, uma nova rotina, uma nova vida que é exclusivamente nossa, cabe em nosso colo e os sentimentos oscilam tanto!

Conforme eles crescem, as preocupações são outras… Como sofremos quando percebemos que nossos filhos são rejeitados… Sofrem o famoso bullying e a vontade é de fazer algo, proteger como se fosse possível guardar em bolha. Mas, a verdade é que temos que ter força pra encarar os desafios e desbravar essas fases e dificuldades.

E como falar da maternidade sem lembrar de suas delícias?

Como não recordar dos sorrisos involuntários do bebê recém nascido… Do amamentar que ao mesmo tempo nos levava a exaustão as dores das rachaduras, peito empedrado… ao passo que o olhar de cumplicidade, o aconchego e a proximidade daquele momento maravilhoso.

Como não lembrar com saudades e se deliciar com o desenvolvimento deles… Os primeiros rabiscos… As primeiras letras… O formar do nome… As frases… A leitura!

O primeiro dentinho que cai…

Ah! Quantas emoções cabem no coração de mãe!!?

E o janelão dá lugar a dois dentões IMENSOS nos mostrando que sim, estão crescendo e como somos privilegiados por acompanhar esse crescimento nos bastidores da vida.

E ser mãe definitivamente é só emoção!!! Regadas sim, de algumas dores, mas, repleta de delícias!

Outras Participações:

E nossa próxima Blogagem terá como tema: Nossa Maternidade Nada perfeita que será no dia 17 de abril (quarta-feira)

Abordagem:

Criar expectativas em torno de uma maternidade perfeita é mesmo coisa de mãe de primeira viagem.
Meu filho não comerá doce fora de hora, vai comer sempre frutas e verduras, sua educação será impar.
Eu? Serei calma, serena, terei sempre disposição para brincar com ele. Vou ler, passear, fazer tarefa , dar as refeições nos melhores momentos.
Até que nos vemos fazendo tudo ao contrario Sabe aquele dito “pagar a língua”? Quem eu?
Sim minha amiga mãe, mais cedo ou mais tarde todas nós iremos pagar a língua!
Quem nunca?

Quem não se viu repetindo ações que antes criticava e dizia que não faria o que “todo mundo faz” ah! Vida real!!

A maternidade é uma caixinha de surpresa e nós vamos descobrindo dia após dia que não somos perfeitas.

Como funciona a BC (Blogagem Coletiva)

♥ No terceiro domingo de cada mês, faça uma postagem no seu blog sobre o tema proposto, lembre de mencionar que faz parte do Projeto: Na Casa Da Vizinha – Blogagem Coletiva uma iniciativa de Cris Philene e Tê Nolasco,

♥ Link nossos blogs ao nome!

♥ Feito isso compartilhe o seu link aqui nos comentários, para que possamos inserir à nossa publicação.

♥ Não deixe de visitar e comentar também em quem está participando. A interação é parte importante na Blogagem Coletiva! Conheçam a história de outras mamães. Todas tem muito a acrescentar!

5 Comentários

  1. Amiga bom dia !Vou deixar o comentário da Renata do Diário de Alegria. Pq ela não está conseguindo comentar e me pediu .Beijos.

    “Bom dia, Cris!

    Ser mãe é um presente que Deus nos dá, com muitas responsabilidades e muitas alegrias. Por isso é o amor comparado ao dEle.

    As fotos do Joseph estão combinando maravilhosamente com a sensibilidade de suas palavras.

    Muito obrigada pela oportunidade, pela visita e seja muito bem vinda ao Diário!

    Ufa, que sufoco para conseguir comentar. rsrs Enfim, de algum modo, deu certo!

    Beijo!

    Renata e Laura”

  2. Cris, que lindas fotos que marcam cada momento e todos são tão bons de recordar, pois marcam etapas… ADOREI! E claro que esses nunca serão esquecidos e mais tarde, na hora até em que eles ficam birrentos, um exercício é pensar neles nessas etapas lindas assim…. Melhora,rs… beijos, tudo de bom,chica

  3. O sorriso do Joseph com janelinhas, sem janelinhas nos mostra quantas delícias a maternidade nos proporciona!
    Os percalços existem, mas com amor somos capazes de superá-los a ajudar nossos pequenos a serem felizes!

    Beijo Chris!

  4. Amiga querida bom dia!

    Primeiramente queria te falar que o Bolhinhas voltou. Não sei pq nem me pergunte rs.. Talvez tenham visto minha indignação e deram jeito , ufa rs
    Amiga, que texto lindo. Só verdades, doçuras, realidade.

    A maternidade, como falei na postagem, é um mar de emoções… Tanta coisa a gente passa, como você bem relatou. Quantos apertos, tristezas e quantas alegrias e satisfações.

    É preciso muito jogo de cintura pra driblar todas as dificuldades e aquela coração enorme e feliz pra acolher todas as alegrias.

    Sempre feliz com nossa BC que ensina tanto.

    Beijos.. Levando seu link.

    Tê e Maria ♥

  5. Cris, é uma mágica, eu acho. Tem dores, mas as delícias superam. Parabéns amiga, tá lindo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *