Cadê a mulher que estava aqui? Onde ela foi parar? Por algum tempo eu vivi exatamente desde modo. Entregue a maternidade e vivendo o papel de mãe por inteiro. A todo tempo, o tempo todo. Ao mesmo tempo que a maternidade traz uma força que nem sabíamos que existia, do mesmo modo a insegurança bate… Com relação ao futuro, as fases dos nossos filhos, os compromissos. Não tem como separar a mãe da mulher. Ela tem prioridades que a mulher de antes não tinha. A mulher se olha no espelho e se vê mãe, porque até na selfie o filho sai. Nos doamos muito, talvezLeia Mais…

Estivemos na escola do Joseph para uma manhã de brincadeiras em família. A proposta foi super interessante, pois cabia aos pais ensinar as crianças as brincadeiras de nossa infância. Fomos eu, o papai e o meu irmão para um dia de brincadeiras. A mim coube os registros e eu queria mostrar e contar pra vocês como foi precioso esse tempo junto! As atividades foram inúmeras, vou mostrar algumas que consegui fazer o registro. Pé de lata!! Ah eu amava brincar disso… mas, confesso não ter me arriscado em subir na latinha rsrsrsr… Bola feita de Meias usadas Levamos meias velhas e a proposta da professoraLeia Mais…

Coisa difícil é ensinar sobre a frustração. Talvez porque seja o calcanhar de áquiles de todos nós. Se frustrar é algo ruim demais. Agora como ensinar sobre frustração aos nossos filhos que amamos incondicionalmente? Ensinar desde de pequenos a lidarem com esse sentimento… Pois, a frustração se aprende na prática! E não há como se preparar para se frustrar! Educar filhos é um trabalho constante e nada fácil, longe de ser! Costumo pensar do seguinte modo: se está sendo fácil, com certeza, estamos fazendo da maneira errada, agora se está difícil… pode ter certeza que deste modo que é correto! E dói ver a frustraçãoLeia Mais…

E quando chega um livro que nos emociona… Eu chorei em vários momentos… Me emocionei e me encantei com o menino Omar que diz ser uma noz. A história desse menino não foi fácil! E retrata bem as guerras atuais que vemos muitas crianças enfrentar… com apenas 10 anos ele sofreu e viveu muito mais coisas que poderíamos imaginar. O livro fala de perdas, naufrágio e as recordações de um lugar onde não é lugar de criança crescer. Mais atual impossível, não é mesmo! Quantas fotos de crianças refugiadas vemos… quantas famílias separadas… quanto futuro incerto por contas dos infortúnios. Mas, a história de OmarLeia Mais…

A @editoramol @BancadoBem que são responsáveis por inúmeros projetos sociais em formatos de livros lançou uma super novidade!! O Vale-brincadeira Que tem formato que lembra um talão de cheques com 25 cupons que valem atividades e experiências inesquecíveis em família. Atrás de cada vale tem sugestões! Além de muitas atividades o vale-brincadeira é um projeto, uma ação social! 1 livro = 1 doação para a educação pública no Brasil. Cada exemplar gera uma doação ao Instituto Ayrton Senna, que já beneficiou 26 milhões de alunos em todo o país. Você pode presentear a criança com um vale-brincadeira. Presenteie meu sobrinho Pedro com um vale que tinha direitoLeia Mais…