Reeducação Alimentar, por onde começar?

Para começar, vamos ao que seria uma reeducação alimentar? É uma aprendizagem, um processo com mudanças de hábitos para uma alimentação saudável. A Reeducação é a melhor receita para emagrecer e sem radicalismo, pois, vamos nos educando a cada dia a nos alimentarmos melhor. Descartar do nosso cardápio alimentos como: bolos, biscoitos, doces, refrigerantes, frituras, sanduíches, comidas mais pesadas, é começo de tudo.

Não é fácil, mas é possível. Com auxílio de profissionais da saúde, teremos um cardápio e instruções para recomeçar uma nova alimentação. Mas óbvio, que ainda temos a vontade de comer as coisas que não podemos…

Este post não será com dicas ou métodos até porque não sou nutricionista, mas serve como uma reflexão em nossos maus hábitos e que podemos mudar para garantir um vida com mais saúde. Ter pique e disposição para brincar com nossos filhos, é o desejo de todas as mães. E eu, que tenho um menino de 4 anos, não seria diferente, falta fôlego para acompanhar tanta energia. Contei aqui minha decisão de mudar: Fazendo as pazes com o espelho.

Mas, reeducação Alimentar, por onde começar?

Essa foi a minha pergunta… Como começar? O que comprar?

Com apoio de uma amiga, a querida Tê do Bolhinhas de Sabão para Maria, eu comecei… pelo básico: pela feira de frutas, legumes e verduras. Casa abastecida de alimentos saudáveis e exclusão de alimentos calóricos. Confesso que a princípio eu comia em exagero as frutas, pois a vontade de comer era enorme!!

O que eu não entendi a princípio é que o meu cérebro, paladar, tudo teria que ser educado aos novos hábitos. A vontade de comer, o que não se deve, teria que ser controlada, e se eu tenho à disposição alimentos bons, não é que compensa, não, não compensa, porque o paladar já estava acostumado, mas o organismo logo entende que está satisfeito. Então, nas primeiras semanas eu me jogava nas frutas!!

Meu paladar também  foi se acostumando aos “novos” sabores, digo novos, pois apesar de gostar de saladas e legumes, eles não faziam parte do meu cardápio. Prato foi tomando novas cores, novas proporções.

Reeducacao-alimentar-cardapio-saladas

Trocamos os alimentos (biscoitos, pães, farinhas) pelos integrais, não tinha costume de consumir iogurte, inclui no cardápio diário, junto com granola que são um up nas frutas.

O açúcar refinado pelo açucar mascavo e também o adoçante. Aos poucos fazendo trocas… e incluindo na lista de compras “novos” sabores.

As frituras viraram assados… e de tudo: peixe, pastel, frango, aipim…

Lanchinhos bem incrementos, pois começamos a comer a partir do olhar… então, uma fruta simples, ganhava um iogurte e granola ou aveia… pronto, novo sabor. Uma janta mais leve com hamburguer de espinagre com aveia, pastel… no forno!

Reeducacao-alimentar-cardapio-lanches-sobremesas

Em meio as mudanças… procurei a nutricionista pra ajudar, porque não é apenas mudar, mas saber a quantidade de porções certas no prato. Você que quer começar uma reeducação alimentar, procure também! É o primeiro item da lista.

Espero ter ajudado, animado a cada um que chegou aqui… o suporte e apoio uma das outras é que nos faz continuar… e ter alguém pra te animar e ir junto com você, por isso que é bom falar do assunto, postar pratos, receitas, trocas… dicas, assim ajudamos umas as outras e não desistimos em frente ao primeiro prato de guloseimas.

Quer dicas para uma lista de compras para a “sobrevivência de uma mãe na Reeducação Alimentar? A querida amiga nutricionista Ariane do blog 20 minutos pra tudo fez: Guia de sobrevivência de uma mãe em reeducação alimentar.

Quer dicas de receitinhas caseiras a Tê do Bolhinhas de Sabão para Maria tem: Barrinha de Cereal fácil e deliciosa!Trufas deliciosas e saudáveisPor uma alimentação mais saudável.

Vamos juntas?!

11 Comentários


  1. Olá!!
    Adorei as dicas. Não é fácil em tempos que todos buscam coisas mais fáceis, adequada o cardápio dos nossos pequenos a coisas naturais e saudáveis. Mas com estímulo como esse aqui vamos buscando sempre o melhor para nossos pimpolhos.
    Beijos

    1. Author

      Oi querida, obrigada!!
      Não é fácil mesmo… mas vamos aprendendo uma com as outras, partilhando dicas.
      bjs

  2. Amiga, parabénssssssssssssss
    Preciso voltar a me alimentar melhor, mas não só voltar, mas seguir em frente… Esse é o desafio, não só começar mas permanecer diante do desanimo, da vontade de desistir.
    Amiga, tô orgulhosa de vc… A Tê é uma amigona mesmo, não tenho palavras para descrever o apoio que a amizade que ela tem com a gente…. E continue firme, aos poucos vai tudo ficar mais simples, mas fácil de conduzir….
    Força, tô animada em ver seus pratos lindos e apetitosos…. Adoro saladas…
    Bjs
    Ju

    1. Author

      Amiga vamos juntas!! Fácil não é, mas podemos apoiar e incentivar… Faz td diferença!!!
      É um desafio por dia… Ainda erro muito e Caio em tentação, mas creio que faz parte o negócio é não desistir!
      Bjs

  3. Cris, eu sei que falta tempo, mas ja pensou em fazer um blog só de RA? Da sua RA? Bom, depois conversamos isso nos áudios rs
    Eu acho que você está indo no caminho certo… ter um pensamento flexível e não resistente às mudanças é o primeiro passo para mudar.. e vale MUITO a pena… O corpo, mente, tudo agradecem…

    Continue assim e acho que você não volta mais atrás… uma vida saudável é muito mais feliz, seja fisicamente ou emocionalmente… E eu aqui estou sempre junta!

    Beijos e adelante!!!! ♥

    1. Author

      Querida Tê, não pensei não… acho q não dou conta de mais um blog. E acho q o assunto rende tb como prosa de mãe… pq mãe tem todas as fases… e sempre tem a que precisa de auxílio nessa área…
      Eu agradeço o apoio e vamos seguindo dia a dia!
      bjss

  4. Adorei o post. Há três anos fiz reeducação e é bem isso, a mente deve ser reprogramada. Depois tudo fica mais fácil e a gente nem consegue mais aceitar alimentos que antes comia.

    Beijinhos.

  5. Amiga amei. Preciso mudar a cabeça para começar a mudança de verdade.
    Vou focar e conseguirei meu objetivo ainda este ano, se Deus quiser.
    E você amiga é uma grande incentivadora, amando acompanhar suas fotos e me orgulhando em ter uma amiga que esta mudando pensando na saúde.
    Juntas conseguiremos.
    Bjs
    Vivi

    1. Author

      Amiga… é mudança na cabeça, no olhar, na vida… vamos juntas sim, uma incentivando a outra e assim conseguimos! Obrigada pelo carinho, bjs

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.