Passei muito tempo após a maternidade, enxergando só meu bebê. Marido chegava em casa, meu pequeno cheirosíssimo, arrumado e a mamãe aqui de camisola, cabelo amarrado, sem banho tomado… aí corria pra tomar banho e colocar uma roupa, mas já tava quase na hora da camisola de novo… e assim foram toda a licença maternidade. Não conseguia me enxergar, Joseph dormia ou estava quieto, corria pra fazer as coisas em casa, lavar roupa, arrumar tudo, quando ía tomar banho… choro no quarto. Lá ía eu ficar hipnotizada pelo presente mais lindo do mundo, e não ligava, contava história, cantava, amamentava, dava banho… Pensava assim: Ah!Leia Mais…

E hoje é dia de Prosa de Mãe! Uma querida que apesar de todas as circunstâncias, superou e realizou seu sonho de ser Mãe. Hoje é mamãe de uma linda Princesa Roberta Aquino dos blogs Diário de uma princesa e Motivos para estar e ser feliz Adorei o convite da Cris para participar do Prosa de mãe… e vou contar pra vocês um pouco da minha história e luta para engravidar e também um pouquinho do meu lado blogueira. Tenho dois blogs, sendo um materno onde falo tudo sobre este universo e também as fofurices da minha princesa. No outro, é meu lado mulher, cidadã e etc, ondeLeia Mais…

E hoje em nossa Prosa de Mãe uma querida mamãe, desta vez uma mãe adolescente, mamãe de menino… contando um pouco mais de suas confissões… Camila Camargo do Blog Confissões de uma jovem Mãe Fui convidada pela Cris, muito obrigada para contar um pouquinho da minha história como mãe e blogueira para vocês. Resolvi tocar num assunto bem polêmico sobre Ser mãe x Ser adolescente eu fui mãe aos 17 anos, no Segundo ano do Ensino Médio, eu passei os 9 meses, sonho e desejando muito ele, eu tinha um namoro de apenas 3 meses quando engravidei, pensei nas piores coisas do mundo. Pensei queLeia Mais…

Esta BC é uma proposta da Roberta Aquino do blog Diário de uma Princesa Não consigo me imaginar sem meu pequeno… Porque ele preenche tudo e por mais que eu não tenha mais o tempo de antes, sou feliz, realizada e não poderia ser melhor! Sem ele teríamos mais tempo livre, dinheiro, dormiria mais, casa sempre estaria impecável, paredes sem rabiscos, mas não seria realizada… Sou formada em Teologia, pregava e dava aula na igreja, hoje não tenho tempo… ainda não me habituei com tantas atividades, mas aos poucos vou retornando. Ser mãe me mostrou muitas coisas, me desprendeu de várias outras e me prendeu aLeia Mais…