A difícil tarefa de dizer não aos filhos

Sabemos muito bem que os nãos são necessários por toda a nossa vida. Mas, sem dúvidas para nós pais dizer o Não para os nossos filhos é uma das tarefas mais desafiadoras.

Não digo somente o não por conta de birras, de ter feito algo errado… mas o não de não poder dar o mundo.

A difícil tarefa de dizer não aos filhos

O não daqueles momentos em que não podemos comprar [as crianças precisam aprender que nem sempre tem tudo] por vezes, o não é apenas para o consumismo, por outras vezes é não por no momento não ter o necessário para comprar. E esse não… fica preso em nossa garganta. Uma sensação de impotência, frustração. E cabe nós [pais e mães] explicar, conversar e fazer entender que Nãos fazem parte da vida e que não podemos ter tudo!

Nossos filhos… mesmo a contra gosto, conseguem perfeitamente entender, que no momento não podemos. A pureza do entendimento e do desprendimento de querer e ao mesmo tempo deixar de querer – ou melhor, esperar o desejo se realizar em um outro momento.

Todavia, sei que toda mãe faz o melhor para os seus filhos, me recordo da minha infância e dos nãos que minha mãe me dava. Tenho certeza que pra ela não era fácil, mas, a gente só entende a mãe da gente, quanto temos cada qual seus próprios filhos.

E hoje, de fato, as coisas são mais acessíveis que na minha infância, Joseph tem mais brinquedos e livros aos 5 anos que eu tive em toda a vida.

Precisamos aprender todos os dias que  devemos ser felizes no agora, com o que temos. E, se, olharmos em volta temos tanto, mesmo achando que temos pouco. E egoístas como somos, sempre queremos ter e ter mais e mais. Acho que nunca estaremos satisfeitos.

Meu filho nunca foi uma criança de pedir as coisas, com presentes, sempre se alegrou mesmo sendo algo bem simples. Mas, agora aos 5 anos… tem uma lista de desejos que a cada dia cresce mais… ele não cobra a todo instante, mas de vez em vez em quando nos lembra do que quer. A imaginação, o querer ter pra brincar, por ver outros amiguinhos terem, porque nessa idade já se conversa sobre o que se tem em casa, e cada um lista suas “riquezas”.

Como não querer ter o que os outros tem?

Uma lição que devemos ensinar a nossos filhos, mas, que nós inconscientemente ainda não aprendemos.

Aprendi e aprendo que as dificuldades nos transformam e desafios criados pelos nãos  da vida é que nos fazem superar.

Nunca teremos tudo o que sonhamos, pois nunca podemos deixar de sonhar e por consequência, sempre teremos sonhos à realizar, mas que sejamos mais felizes e realizados, mesmo tendo pouco, que com certeza é bem mais do que muitos outros possuem.

Que sejamos sábios na educação que deixaremos para o futuro através dos nossos próprios filhos e que entendam que o Não impulsionará a ir mais além.

Um comentário sobre “A difícil tarefa de dizer não aos filhos

  1. Oi Cris, que texto sincero.
    Verdade, nem sempre é fácil dizer o Não, para os filhos.
    Nesse ponto, eu sou mais durona…rs… Se vejo que o comprar é impulsivo, logo lembro dos brinquedos que ele já tem, e chamo ele para brincar, e no piscar de olhos aquela vontade passa…
    Também sempre lembro meu filho, que tem crianças que não tem nada…. nem para comer, nem onde morar ou brinquedos para brincar…

    Mas que as vezes dói, dizer não, isso dói…
    Meu esposo fica com o coração mais pesado, nesse aspecto… Acaba sofrendo mais, por ser o provedor da casa, então ele sente mais…
    Mas essa frase final que vc falou é certa…. Se não temos agora, podemos sonhar, que um dia podemos conseguir, tudo que almejamos, quem sabe…
    O NÃO, impulsiona ir mais além… Vc falou certo… 🙂

    E quando meu filho insisti com algo muito desnecessário, sou logo franca: Digo que para conseguir seus desejos, terei que ir trabalhar, porque só o dinheiro que o papai trás para casa, não é suficiente para comprar tudo que ele deseja… Então, ele diz que não é preciso, e ficamos tudo bem.

    Não é ameaça, nem chantagem, frustração, é apenas uma realidade, que acabo compartilhando com ele. Lógico que explico sem brigas ou grosseria, mas acho melhor expor nossa realidade e situação, do que mentir que darei imediatamente, o que ele deseja…

    Ai Cris, nem tudo é fácil, mas com uma boa conversa, carinho e muita atenção, tudo fica bem…

    Bjs
    Ju

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*