É parece que foi ontem que nasceu e hoje vejo meu pequeno cada dia mais independente, cada dia mais arteiro, mais esperto, falante… E morro de orgulho! Mais também cada dia mais teimoso, insistindo em não obedecer, desafiando nossa autoridade. Ser pais não é fácil… cada fase é um novo desafio! Engana-se quem acha que sabe, por estar munido de todas as informações, com todos os seus conceitos – preparado para a maternidade/paternidade, cada criança é única, assim como seus pais e o que virá após o nascimento/crescimento dos pequenos cada qual terá sua própria história pra contar. E talvez pais com filhos mais novos queLeia Mais…

Não tenho mais o costume de acompanhar novelas… mas de vez em quando me pego na frente da tv assistindo, tem algumas que tem uma bonita história, personagens engraçados, cativantes… A pouco tempo começou a novela das 21h Em família. Quando se fala em família, confesso que me veio a curiosidade de saber os temas que seriam abordados, mas o que tem me tirado do sério ultimamente são as cenas da Juliana (Vanessa Gerbelli) que é uma mulher louca pra ser mãe e para que isto aconteça faz de tudo! Se diz ter adotado de coração uma menina que tem pai e mãe, quer dizer tinhaLeia Mais…

  O papel da mãe na construção da sociedade Você já parou para pensar que aquilo que você ensina ao seu filho será o reflexo da construção do futuro da nossa sociedade? Acredite, muitas mães não se dão conta do papel importante que exercem nesse processo. Eu vejo e ainda convivo com mães que acreditam que seus filhos aprenderão a se socializar e a se consruir como pessoa na escola, que os professores é que tem a “obrigação” de dár-lhes educação. Enganam-se. Esse papel é nosso. Na escola eles têm que aprender a educação formal, mas os valores que transmitimos a eles desde os primeirosLeia Mais…

  TOMANDO AS RÉDEAS Quando escrevi o artigo “Convivendo com as influências externas”, um comentário me chamou muita atenção, o da Iasmin Marques, pois ela fez um breve resumo de uma situação que ela vivencia: ter que deixar a filha com a avó para trabalhar, e consequentemente ter sua autoridade comprometida, pois avó e bisavó da criança ¨passam a mão na cabeça¨ e não permitem que ela a corrija quando necessário. Chamou-me atenção por ser uma situação que também precisei enfrentar. Infelizmente nem todas as mães tem o privilégio de poder acompanhar de pertinho os primeiros anos do filhote, pois, como eu e muitas brasileiras,Leia Mais…

A Maternidade e seus Desafios Oi pessoal.  Estreia da coluna, então achei por bem me apresentar. Meu nome é Priscila, moradora da cidade maravilhosa, 31 anos. A Cris me definiu como pedagoga da última vez, mas na verdade fui estudante de pedagogia até o último período, mas não cheguei a me formar porque engravidei, e tive uma gravidez bem complicada, então acabei trancando minha matrícula e não consegui retomar o curso. Mas a experiência que adquiri na faculdade faz toda diferença em minha vida pessoal e profissional, inclusive como mãe também. Depois de todos esses anos, me descobri em um prazer muito antigo, a escrita.Leia Mais…