Acontece muito antes do que você imagina… depois de várias noites sem dormir, e de muitas fases… quando você pensa que tudo está sob controle… aquele serzinho totalmente dependente [nossos filhos], de repente… querem dormir fora de casa! E fica um vazio… Filhos dormindo fora de casa A casa parece perder a vida… ainda havia resquícios, brinquedos espalhados… no varal as pequenas roupas, mas, a casa está vazia, arrumada… tudo no lugar. O silêncio vira companhia! Confesso que a primeira vez foi muito estranha. Um misto de sentimentos que eu não sabia descrever… eu tive tempo! Como nunca… [digo: após a maternidade] e acreditem, nãoLeia Mais…

Fui mãe aos 33 anos, minha vida toda trabalhei fora e durante toda a gravidez mantive a mesma rotina. Em meu entendimento, seria “simples” voltar ao trabalho depois de ter meu filho. Como sair de casa para o trabalho foi sempre rotina, não pensei, nem por um instante qualquer que seria o maior desafio. Na maternidade: Apaixonada… Mas, então o filho nasce… o tenho em meus braços e percebo que todo o meu universo cabia ali, no meu colo. Estava bem ali, aninhado… Somente mãe, entende mãe, entende o sentimento de mãe, entende o tamanho do amor que só faz crescer a cada dia… aLeia Mais…

Duas mães que moram em cidades diferentes! Uma carioca, outra mineira. Uma mãe de menino, outra mãe de menina! Joseph 7 anos, Maria, 11 anos! Criança e pré-adolescente! Uma mãe atua no mercado de trabalho, outra abdicou do trabalho fora para dedicar-se totalmente à maternidade. Duas blogueiras que amam escrever sobre as dores e delícias da maternidade e que embora estejam em situações diferentes do mundo materno, tem os mesmos sonhos de educação; em suas diferenças enfrentam as mesmas dificuldades diariamente ao dizer Sim e Não, compartilham alegrias, apertos, conquistas. Momentos engrandecedores, felizes e de muito aprendizado com seus filhos! Nós sabemos: Mais aprendemos do que ensinamos! CrisLeia Mais…

E o dia chegou, ou melhor a oportunidade do meu menino viajar com os dindinhos e o primo. Confesso que à primeira vista, amei a proposta, pois, de imediato me remeti a minha infância e de como era maravilhoso passar uns dias na companhia das minhas tias… a gente é mimado, né? E sair da rotina, meio que não tem obrigação… enfim tudo de bom! Mas, também confesso que tive receio de deixa-lo ir, afinal só tem sete anos… e como assim, ficar sem filho por alguns dias? Marido e eu pensamos, minha irmã e meu cunhado também, porque afinal muita responsabilidade e coragem viajarLeia Mais…

Isso é segredo para nossos filhos. Mas, você há de concordar comigo que nós mães somos fadas, sim!! Pense na sua mãe… Em como ela “adivinhava” as coisas e sabia até os seus pensamentos. {A minha é fada até hoje!} Lembra do bom velhinho… como ele acerta certinho o presente de Natal…? E sem falar da fada do dente… ah! Essa tem é trabalho!! Não pode esquecer de trocar o dente pela moedinha… Fazemos nossos filhos acreditar em todas essas coisas… O coelhinho então, sempre deixa pegada pela casa… deixa pistas e muitos ovos de chocolate. E sim, somos Fadas! Eu confesso que amo serLeia Mais…