Fui mãe aos 33 anos, minha vida toda trabalhei fora e durante toda a gravidez mantive a mesma rotina. Em meu entendimento, seria “simples” voltar ao trabalho depois de ter meu filho. Como sair de casa para o trabalho foi sempre rotina, não pensei, nem por um instante qualquer que seria o maior desafio. Na maternidade: Apaixonada… Mas, então o filho nasce… o tenho em meus braços e percebo que todo o meu universo cabia ali, no meu colo. Estava bem ali, aninhado… Somente mãe, entende mãe, entende o sentimento de mãe, entende o tamanho do amor que só faz crescer a cada dia… aLeia Mais…

Muita gente me pergunta qual é a melhor idade para que as crianças ingressem seus estudos no Kumon, e prontamente recebemos as orientações dizendo que na fase pré escolar também é um ótimo momento. Fase pré-escolar deve trabalhar a autoconfiança da criança A fase pré-escolar é o período que antecede o ensino obrigatório e compreende o intervalo entre 0 e 5 anos de idade, nas escolas de ensino padrão. Dos 0 aos 3 anos, as crianças são direcionadas à creche e dos 4 a 5 anos para a pré-escola. É no período pré-escolar que a criança desenvolve a coordenação motora ampla e a fina, usada paraLeia Mais…

E quando chega livro a gente sempre se empolga! E se o livro faz parte de uma linda proposta, a gente abraça e se joga! E por isso venho compartilhar mais com vocês do livro da Editora Mol: Cadê meus óculos? Cadê meus óculos? Dilson Branco@bancadobemEditora Mol O livro Cadê Meus Óculos? É uma publicação com 26 atividades para todas as idades: tem jogo dos sete erros, ache na cena, desenhos para colorir, ache na cena, labirintos, ligue os pontos e desafios ópticos. As páginas são coloridas e as ilustrações são lindas! Nessas brincadeiras para os olhos, leitores de todas as idades podem relaxar eLeia Mais…

Eu e ele e a primeira mamada.  Não foi um mar de rosas… e sim, uma insegurança muito grande.Medo surgiu quando percebia que meu menino quase não sugava, não me sentia capaz. A gente acha que leu tudo e está munida de todas as informações e depois percebe que nada se sabe… lembro de quando pesquisei e li sobre amamentação, mas na prática é muito diferente e porque não dizer que é desafiador.  Primeiras Mamadas E como superar as Dores e amores da amamentação? Insistindo, procurando ajuda, buscando informações e fugindo daqueles que sem ao menos tentar, já oferece a fórmula. E essa busca precisaLeia Mais…

Duas mães que moram em cidades diferentes! Uma carioca, outra mineira. Uma mãe de menino, outra mãe de menina! Joseph 7 anos, Maria, 11 anos! Criança e pré-adolescente! Uma mãe atua no mercado de trabalho, outra abdicou do trabalho fora para dedicar-se totalmente à maternidade. Duas blogueiras que amam escrever sobre as dores e delícias da maternidade e que embora estejam em situações diferentes do mundo materno, tem os mesmos sonhos de educação; em suas diferenças enfrentam as mesmas dificuldades diariamente ao dizer Sim e Não, compartilham alegrias, apertos, conquistas. Momentos engrandecedores, felizes e de muito aprendizado com seus filhos! Nós sabemos: Mais aprendemos do que ensinamos! CrisLeia Mais…